Estar em quarentena foi a solução para lidar com algo que estava fora de controlo. Colocar as pessoas em isolamento pode impedir que elas contactem com outras, para que, assim, não se espalhem vírus e doenças. Optou-se por este processo extremo quando começou a expandir-se a pandemia provocada pela Covid-19, processo este que, de certeza, ajudou, mas trouxe, também, consequências negativas. “Trancadas” em casa, as pessoas podem tornar-se paranoicas. O pensamento de que não podes ir lá para fora e sair de casa, a espera de que algum sintoma apareça, o medo de ter de ir ao hospital e estar rodeado de pessoas doentes ou o pesadelo que será quando apanharmos a doença podem afetar-nos. Era preciso manter a calma e, preparando o pior, esperar o melhor. Pessoas ansiosas deveriam procurar algum apoio familiar e distrações, aproveitar o tempo para raciocinar e relaxar, enquanto viviam uma situação que parecia saída de um filme de ficção científica. A quarentena terminou, mas a pandemia persistiu. Eu, enquanto estudante do ensino secundário, tenho de encontrar um equilíbrio. Tendo exames, este ano, devo aprender a lidar com a agitação da escola e a conjugá-la com a ideia de que estou a viver o meu último ano escolar de forma atípica. É estranho, porque deveria ser um dos anos mais importantes da nossa vida, mas o ambiente que tenho observado é de desânimo, pois não teremos este ano de volta. Para nós, adolescentes, tem-nos sido difícil visualizar o fim desta situação e enquanto alguns de nós procuram refúgio na conformação, outros preocupam-se com as suas famílias, com o seu desempenho escolar, ou, então, parecem ignorar completamente o que se passa. Mas, por vezes, a necessidade de uma quarentena é maior do que o peso das consequências negativas de não a fazer. Portanto, a bem da nossa própria saúde, física e mental, o melhor será aceitar a forte probabilidade de ela vir a repetir-se. Cumpramos a nossa parte e acreditemos que tudo irá ficar bem! Sobretudo, acreditemos! 

Maria Gomes, 2020

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: