Trazemos gestos simples e desenhamos no altar a beleza do serviço. As nossas mãos têm o rasgo do seguimento para que sobre o altar se dê Aquele que se deu todo por nós. Acólito, do grego “akolouthein”, significa seguir. É tudo, é o nosso querer, seguir Jesus no dar-se e nos gestos belos com que a todos acarinhava.

O grupo de acólitos é constituído por jovens, adolescentes e crianças que estão ao serviço do altar na Eucaristia e do sacerdote em tantas outras celebrações. Estamos ali, junto a Jesus, como Maria sempre esteve, sabemos dos seus segredos, um estar junto de todos. É assim que desejamos viver, Apenas isso, estar. Aqui a Eucaristia passa a ser o centro da nossa vida. Este é o nosso maior contributo, estar. Estar para escutar, depois servir com esse estar, agora junto do outro.

fotografia 1

Renovação do compromisso dos acólitos- Festa da família –junho 2018

No passado domingo, dia 17 de junho, celebrámos a Festa da Família, no parque da cidade. Todos os anos, este dia é sempre muito especial para todos os acólitos, já que renovamos o nosso compromisso de servir o Senhor com mais dedicação, com um amor maior, ajudando o sacerdote no altar e testemunhando este amor no dia-a-dia a da nossa vida.

Para a Inês, o Márcio e o João Carlos foi ainda mais importante porque foi neste dia que fizeram a passagem da alva vermelha e branca, usada pelos pequenos acólitos, para a alva branca dos mais velhos.

Pouco tempo depois de fazermos a Profissão de Fé, é tradição os membros do Grupo de Acólitos de Nossa Senhora d’Ajuda mudarem de paramento. Este é um momento da nossa vida de que dificilmente nos esqueceremos!

Neste domingo, Jesus falava-nos da semente que cresce, pouco a pouco, como que às escondidas, e que chegará a ser uma grande árvore. O grupo de Acólitos é uma escola onde também se aprende a receber a semente do Reino de Deus e a permitir que ela dê fruto em nós.

 

Miguel Vaz

%d bloggers like this: