A Igreja celebra a festa da Apresentação do Senhor após quarenta dias do Natal. Jesus “encontra” os sacerdotes do Templo, mas também Simeão e Ana, que representam o povo de Deus. Por volta de meados do século V, esta festa era celebrada também em Roma. Com o passar do tempo, foi acrescentada a esta festa a “bênção das velas”, recordando que Jesus é a “Luz dos Gentios”. Todos nós também somos  convidados a receber esta luz e a colocarmo-nos  diante do Senhor Jesus, Luz dos Gentios e a ser “de Deus”, como Simeão e Ana e como Maria a guardar  e meditar  tudo no nosso coração. Assim nos pediu o Padre Artur na homília, para levarmos a luz clara e eterna, que  significa o esplendor divino d’Aquele que Se aproxima e ilumina todas as coisas, dissipando as trevas do mal.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: