Uma estória na história ….

Nesta rubrica falamos de nós – os construtores desta paróquia, de ontem, de hoje para inspirarem os de amanhã. Quando evocamos aqueles que já partiram gostaríamos que lhe dessem o aplauso que mereceram em vida e continuam a merecer hoje.

Abrimos estas memórias daqueles que já residem com o Pai Eterno com o professor Gil Rosas

O Professor Gil Rosas, nos anos em que  lecionou em Espinho,  marcou gerações vivendo a sua vocação como vocação plena. Na comunidade de Espinho fez parte de vários grupos de trabalho, sempre empenhado em dar o seu melhor. Os grupos que mais o realizavam eram os Oblatos de São Bento e o setor social. Aqui era a sua atividade preferida, a sua realização em pleno. Os mais frágeis.  Não deu mais porque não havia mais nada a dar. Sacrificou a sua vida na entrega aos carenciados (nas suas várias vertentes). Fazia-o completamente desinteressado de louvores e agradecimentos. O que lhe interessava era a sua chegada ao Pai. Homem de uma grande fé, sabedoria, escuta, conselho e de uma humildade e caridade notórias, marcou muitos dos que trabalharam com ele, mas também um grande número de anónimos. Sei, que já no seu leito, doente, vinham  conversar com ele, em silêncio, e não podia ser de outra maneira. Alguns choravam… Diziam: “é um exemplo a seguir.”

Mariazinha Rosas 

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: