Celebração de Ramos | 28 

Entrada triunfal de libertação.  Olhos postos na humildade do Senhor, que se aproxima despojado e sem gaudio. Ele é o exemplo de quem vem para libertar em paz. Esta não é uma libertação da opressão política, não é uma libertação do peso do Mundo.

Em mais um ano de particular recolhimento, imposto pelo contexto que enfrentamos, que possamos viver esta Celebração de Ramos como uma libertação de nós mesmos, das amarras que tecemos com as próprias mãos e deixamos que me prendam. Que este domingo que antecede a Páscoa possa ser vislumbre de salvação: de que é preciso entregar a vida para ganhar a Vida… 

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: