Neste sábado, 28 de Novembro houve novamente uma reunião via zoom.

Foi discutido o segundo  capítulo da Laudato Si, do Papa Francisco. Ou seja, questões ecológicas.

Percebemos  que este não é só um problema do planeta, mas sim um problema antropológico, isto é, nós seres humanos somos os causadores de toda esta calamidade. E o pior é que nem damos conta. Ao desaparecer uma espécie, não é só uma espécie que desaparece, é toda uma descoberta que nunca irá acontecer. 

A maior parte das pessoas da sociedade em que vivemos não dá valor a coisas mínimas, em parte, também não se dá valor à natureza.  Foi discutido com referência a factos históricos que não se pode mudar o mundo em 2 segundos.  Uma transição deve ser pensada e repensada, tudo tem o seu tempo para evitar  consequências negativas. Como, por exemplo, a evolução tecnológica foi tão repentina que, atualmente, quem não sabe mexer num computador está totalmente limitado.  A revolução tecnológica aconteceu e não houve uma ponderação. O Papa, e com base nos textos sobre a criação, lembra que “a existência humana se baseia em três relações fundamentais intimamente ligadas: as relações com Deus, com o próximo e com a Terra. Segundo a Bíblia, estas relações romperam-se não  só exteriormente, mas também dentro de nós. Esta rutura  é o pecado”. Logo, urge mudar e procurar  uma comunhão plena com o mundo, com os homens e com Deus.          

No final da reunião, desejamos uma rápida recuperação ao Padre Artur e cantamos os parabéns a Maria, com direito a “banda”.

Adriana Aluai

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: