Acredito no princípio do beijo

Crês em Deus, Pai todo-poderoso, criador do céu e da terra?

Acredito na luz que se abre em mim quando me beijas. Nessa luz que me faz ver o pó de que são feitos os meus membros e de quantos astros se compõe a minha cegueira. Acredito que sempre que me beijas tudo principia. Tudo é espaço em branco para que tudo se decida. Acredito nas flores que desabrocham em botão e se deixam colher por quem passa. Acredito que dás ao pó um nome e que todos os nomes são beijos que dás para que o pó não permaneça para sempre informe. Acredito que amas o pó e que o beijas em cada palavra que instaura um mundo justo. Não há maior justiça do que tudo principiar agora para que o pó frágil seja colhido pelas mãos. Acredito que há lábios que não têm quem os colha num beijo e choram pela vida que ainda não desabrochou em si.

O mundo principiou. Agora contamos os dias e esperamos para que o seu fim seja um regresso aos lábios de quem tudo começou. O mundo não tem fim enquanto houver quem saiba beijar o pó disforme do que vive sem nome.

Oração

Estão meus olhos cansados

De tanto ver luz sem ver;

Pela obscuridade do mundo,

Vou como um cego que vê.

Tu que deste vista ao cego

E a Nicodemos também,

Filtra nas minhas secas pupilas

Duas gotas frescas de fé

Hino litúrgico

Domingo

“Não tomeis parte nas obras infrutíferas das trevas; pelo contrário, denunciai-as.” (Ef 5,11)

Segunda-feira

Lábios que se beijam procuram a vida, senão não é verdade o beijar.

Terça-feira

Só te vi bem depois de em ti me encontrar.

Quarta-feira

Enquanto não souber do amor de quem me beija, nada saberei da vida que me foi oferecida.

Quinta-feira

Jejuo de tudo o que não começa para terminar num grande amor.

Sexta-feira

O pó que sou é amado por Ti, Senhor, porque o fizeste vivente ao soprar sobre ele um vento de amor.

Sábado

Todos os dias sou recriado por ti, Senhor, com o beijo do Teu perdão.

Outras leituras

Filme

 500 dias com summer

Música

Tracy Chapman – New Beginning

Pedro Abrunhosa – Ilumina-me

Beethoven- Missa Solemnis D major Op 123 John Eliot Gardiner

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: